Aspirina

Aspirina age no alívio da febre, inflamações em geral, dores de cabeça e no corpo. É encontrada em forma de comprimidos.

Indicações

O uso de Aspirina é indicado nos seguintes casos:

  • Dor de cabeça, dor de dente e dores de garganta;
  • Dores musculares e nas articulações; 
  • Artrite;
  • Cólicas menstruais.

Como Tomar

  • Para os adultos1 a 2 comprimidos a cada 4 ou 8 horas, não excedendo 8 comprimidos por dia;
  • Para crianças com mais de 12 anos: 1 comprimido a cada 4 ou 8 horas, não excedendo 3 comprimidos por dia;
  • Tomar os comprimidos de aspirina depois das refeições.

Contraindicações

O uso de Aspirina é contraindicado nos seguintes casos:

  • Alergia ao ácido acetilsalicílico ou aos demais componentes da fórmula;
  • Pessoas com tendência a sangramentos;
  • Úlceras (feridas) no estômago ou no intestino;
  • Histórico de crises de asma causadas pelo uso de substâncias semelhantes;
  • Pessoas em tratamento com 15 mg ou mais de metotrexato.

Efeitos Colaterais/Reações Adversas Mais Comuns

O uso de Aspirina pode provocar:

  • Dor de estômago e sangramento gastrintestinal leve;
  • Enjoos, vômitos e diarreia;
  • Sangramentos e úlceras no estômago;
  • Manchas na pele;
  • Ataques de gota;
  • Em caso de tratamento prolongado, pode causar dores de cabeça, tonturas, zumbidos, alterações da visão, sonolência ou anemia.

Gravidez e Lactação

A aspirina só pode ser utilizada durante os 6 primeiros meses da gravidez sob orientação médica. No último trimestre é totalmente contraindicada, pois pode causar complicações para a mãe e o bebê no parto.

É permitido o uso de aspirina durante a amamentação.

Composição

Cada comprimido de Aspirina contém: ácido acetilsalicílico (princípio ativo) e excipientes: amido e celulose.

Preço


Os preços da Aspirina variam entre R$ 1 e R$ 20.