Remédio para Ejaculação Precoce – Conheça os Melhores!

Paroxetina, Clorpromazina e Trazodona são remédios antidepressivos usados para tratar a ejaculação precoce. Priligy, considerado o melhor remédio para ejaculação precoce, ainda não é vendido no Brasil, mas pode ser comprado online. Outros nomes de remédios para ejaculação precoce incluem:

  • Sertralina e Fluoxetina;
  • Clomipramina (antidepressivo tricíclico);
  • Sildenafila (Viagra) e Tadalafila (Cialis);
  • Lidocaína e outros anestésicos locais.

A maioria dos remédios utilizados contra ejaculação precoce podem ser comprados em farmácia, mas com receita médica e sob o tratamento supervisionado pelo médico, já que eles podem causar muitos efeitos colaterais.

Paroxetina

Paroxetina (Cebrilin, Pondera e Roxetin) pertence ao grupo dos antidepressivos ISRS (Inibidores Seletivos da Recaptação da Serotonina), que são os remédios mais utilizados atualmente para atrasar a ejaculação precoce. Outros nomes incluem Sertralina e Fluoxetina.

Eles atuam aumentando a disponibilidade da serotonina no cérebro, um dos conhecidos hormônios da felicidade, e possuem mínimos efeitos colaterais em comparação a todos os outros antidepressivos.

As doses diárias geralmente empregadas são 20 a 40 mg para Paroxetina e Fluoxetina e 50 a 100 mg para Sertralina.

Os efeitos no atraso da ejaculação começam a surgir em 5 a 10 dias após o início do tratamento, onde as reações adversas são mais intensas, como fadiga, sono, enjoo e diarreia, diminuindo depois de 2 a 3 semanas. Podem ocorrer, mais raramente, diminuição da libido e disfunção erétil.

Priligy – Melhor remédio para ejaculação precoce

Priligy (Dapoxetina) é considerado o melhor remédio para ejaculação precoce, o único com segurança e eficácia aprovadas pela FDA (Food and Drug Administration) dos Estados Unidos e o único indicado para tratar especificamente essa condição com taxa de eficácia de 300%.

Trata-se de um antidepressivo do mesmo grupo da Paroxetina e da Sertralina, mas que age mais rapidamente no organismo de que todos os demais de sua classe, em torno de apenas 1 hora e meia. Por isso recomenda-se tomá-lo de 1 a 3 horas antes da relação sexual.

No entanto, Priligy não é comercializado no Brasil, mas pode ser comprado em farmácias estrangeiras online, como a euroClinix. O próprio site disponibiliza consulta online com médicos credenciados. A retirada do medicamento no Brasil só pode ser feita mediante a apresentação de receita médica.

Clorpromazina

A Clorpromazina faz parte da classe dos antidepressivos bloqueadores de receptores centrais de dopamina, assim como:

  • Levomeprazina;
  • Sulpirida;
  • Tioridazina;
  • Trifluoperazina.

Ao bloquearem a ação da dopamina, que estimula o SNC – Sistema Nervoso Central, eles retardam a ejaculação precoce masculina.

Clomipramina

O Cloridrato de Clomipramina é um antidepressivo tricíclico utilizado para tratar a ejaculação precoce, assim como:

Eles agem aumentando o nível de serotonina e de norepinefrina no cérebro e são prescritos, inclusive, para tratar o Mal de Parkinson, pois promovem o controle muscular. Uma de suas reações adversas é o atraso ou ausência da ejaculação de sêmen nos homens.

A dose diária varia entre 10 a 50 mg. Apesar disso, os antidepressivos tricíclicos são poucos prescritos hoje em dia porque seus efeitos colaterais são mais intensos, como sonolência, boca seca, delírios e alucinações, rigidez muscular, maior sensibilidade da pele à luz, vômitos, suor excessivo e diarreia.

Trazodona

O cloridrato de trazodona é um antidepressivo atípico cujos efeitos colaterais incluem o atraso da ejaculação.

Ele também age como um vasodilatador e por isso melhora a ereção, fazendo com que o órgão sexual masculino fique mais rígido. Além do mais, a trazodona também aumenta a libido, ou seja, a excitação sexual.

Donaren e Donaren Retard são seus nomes comerciais no mercado. Seus efeitos colaterais incluem tontura, sono, enjoo, gosto estranho e secura na boca. Se o uso de Trazodona causar ereção peniana prolongada ou inapropriada o tratamento deverá ser interrompido imediatamente.

Viagra e Cialis

Viagra (Sildenafila) e Cialis (Taladafila) também podem ser utilizados para ereção e ejaculação precoce. 

Estudos sugerem que esses remédios, além de promoverem a vasodilatação e a ereção peniana, também aumentam o tempo de penetração intravaginal. Eles podem ser utilizados em conjunto com antidepressivos, como a Paroxetina, com tratamento prescrito pelo médico, é claro.

Lidocaína

Os anestésicos locais, como a lidocaína, também podem ser utilizados, mas seus efeitos colaterais são bastante desconfortáveis, como falta de sensibilidade no pênis e efeito anestésico na mucosa vaginal, resultando em falta de orgasmo feminino.

Um remédio natural para ejaculação precoce que pode ser usado é o anestésico local “SS Cream”, que combina 9 ervas asiáticas com poder de reduzir a excitação peniana em excesso, mas que ainda está em estudo.

Fique atento:

O tratamento da ejaculação precoce deve ser individualizado de acordo com o histórico e as causas de cada paciente. Além de remédios, podem ser incluídas a psicoterapia e técnicas para retardar a ejaculação. Nenhum dos remédios citados aqui devem ser utilizados por conta própria. Procure o médico (clínico geral ou urologista) para definir o melhor tratamento para você!


Leia também: 

Cipramil

Velija

Spray Sublingual para Ejaculação Precoce