Home » Remédios mais Usados » Remédio para Gastrite – 17 Remédios para Tratar

Remédio para Gastrite – 17 Remédios para Tratar

O remédio para gastrite diminui sintomas como azia, queimação e dor de estômago. Omeprazol, Pantoprazol e Nexium são os remédios para gastrite mais utilizados no tratamento contínuo, que também envolve antiácidos, como hidróxido de alumínio e hidróxido de magnésio e até antibióticos, como o Metronidazol, caso haja infecção por H. Pylori no estômago.

Esses e outros medicamentos protegem o revestimento interno do estômago, assim, o ácido produzido, que também já tem a sua quantidade diminuída pela ação dos remédios, não afeta a mucosa estomacal, evitando a criação de feridas (úlceras) e os sintomas da gastrite.

O tratamento para gastrite inclui a combinação de diferentes tipos de medicamentos e deve ser feito sob orientação médica. 

Inibidores da bomba de prótons – Protetores gástricos

São os remédios para gastrite que diminuem a produção de ácido pelo estômago, geralmente tomados em dose única, em jejum, pois eles também ajudam a formar uma barreira protetora no estômago antes do paciente começar a se alimentar. São eles:

  • Omeprazol: 20 mg ao dia. Custa em torno de R$ 17;
  • Esomeprazol Magnésio: 20 a 40 mg ao dia. Pode custar de R$ 28 a R$ 78;
  • Nexium: É composto por esomeprazol. A dose recomendada também é de 20 a 40 mg ao dia. Seu preço varia de R$ 192 a R$ 314;
  • Pantoprazol: 20 a 40 mg ao dia. Seu preço varia de R$ 10 a R$ 52 e um de seus nomes comerciais é Tecta.

Outros remédios utilizados Pariet (Rabeprazol) e Lansoprazol.

O tratamento com esses remédios pode durar de 8 semanas até 6 meses ou mais, a depender da prescrição médica e da situação clínica do paciente.

Bloqueadores H2

São os remédios para gastrite que agem bloqueando as células produtoras de ácido estomacal e prevenindo a formação de feridas no estômago.

Ranitidina

A Ranitidina atua de diversas formas. Ela alivia os sintomas do refluxo, trata a gastrite nervosa, previne úlceras e ainda trata sangramentos no sistema digestivo.

Adultos devem tomar 1 comprimido, 2 vezes ao dia. A dose para crianças é de 2 a 4 mg/kg, 2 vezes ao dia. Os preços de Ranitidina variam de R$ 5 a R$ 62.

Cimetidina

A Cimetidina também age como a ranitidina, prevenindo úlceras causadas pelo estresse e bloqueando a produção de ácido no estômago.

O paciente deve tomar 400 mg pela manhã e 400 mg à noite, antes das refeições. Seu preço varia de R$ 8 a R$ 54.

Antiácidos para gastrite

Os remédios antiácidos são formulados, em sua maioria, pelo hidróxido de alumínio e hidróxido de magnésio, ou mesmo pelo carbonato de cálcio. Podem ser encontrados em forma de solução oral ou mesmo pastilhas, que são bem mais práticas e combatem a azia com eficácia, além de aliviarem a inflamação do estômago e contribuírem para a cicatrização das úlceras. São eles:

Leite de Magnésia de Phillips

O Leite de Magnésia de Phillips pode ser utilizado por adultos e adolescentes acima de 12 anos.

É recomendada a ingestão de 1 colher de sopa, 3 vezes por dia. A dose para crianças de 2 a 12 anos é reduzida a 1 colher de chá, com dose máxima de 2 colheres de sopa por dia. Seu preço varia de R$ 4 a R$ 14.

Pepsamar

Pepsamar é comercializado em forma de pastilhas (comprimidos mastigáveis). A dose geralmente indicada é de 2 a 4 comprimidos, 1 hora após se alimentar, por, no máximo, 14 dias seguidos. Seu preço varia de R$ 4 a R$ 22.

Outros:

Importante: Os medicamentos antiácidos são apenas um complemento do tratamento, pois não combatem a gastrite sozinhos, servindo apenas para aliviarem temporariamente a azia e a má queimação.

Antibióticos

Quando a gastrite é causada por infecção pela bactéria H. Pylori, o tratamento com antibióticos deve ser feito em conjunto com os outros remédios que ajudam a aliviar os sintomas da gastrite, como os antiácidos. Os antibióticos comumente prescritos são:

Remédios para gastrite nervosa

Para evitar a gastrite nervosa é recomendado tomar um remédio que proteja a mucosa do estômago antes de se submeter a qualquer situação que possa causar estresse, como Omeprazol ou Pantoprazol, assim a inflamação no estômago será evitada.

Nos casos em que a gastrite nervosa já deu o seu sinal, é possível contê-la fazendo uso de remédios antiácidos para aliviarem a azia e a má queimação, como Hidróxido de Alumínio e Hidróxido de MagnésioLeite de Magnésia de Phillips e pastilhas Pepsamar.

Remédios para gastrite e refluxo

O refluxo também é tratado, em primeira linha, com os remédios Inibidores da Bomba de Prótons, como o OmeprazolPantoprazol e Esomeprazol. O tratamento também inclui o uso de antiácidos, como o Leite de Magnésia de Phillips e as pastilhas Pepsamar, a Ranitidina e Cimetidina, que também atuam nos dois casos.

Atualizado em: 28/06/2018 na categoria: Remédios mais Usados