Otosporin: Dor de Ouvido, Inflamação e Infecção

Otosporin trata infecções bacterianas e inflamações no ouvido. O preço de Otosporin varia de R$ 11 a R$ 13. Otosporin é encontrado em forma de solução e possui em sua formulação uma substância anti-inflamatória corticoide e dois antibióticos. Pode ser utilizado por adultos e crianças acima de 1 ano de idade.

Indicações – Para que Serve?

O uso de Otosporin é indicado para tratar a otite externa com suspeita ou confirmação de infecção bacteriana associada.

Otosporin – Indicação Odontológica

Otosporin também é indicado para combater inflamações causadas por certos procedimentos odontológicos, como canal e inflamações na polpa do dente, por conter um grande poder de penetração nos tecidos.

Como Usar/Dosagem

Antes de usar a solução de Otosporin, agite levemente o frasco. Limpe e seque devidamente a abertura do ouvido, deite-se de lado e pingue a quantidade de gotas indicadas em seu interior. Permaneça de lado por 30 segundos para que a solução penetre totalmente.

Posologia de Otosporin para adultos e crianças acima de 12 anos:

  • 3 gotas, 3 ou 4 vezes ao dia, durante 7 a 10 dias.

Posologia de Otosporin para crianças de 1 a 12 anos:

  • 2 gotas, 3 ou 4 vezes ao dia, durante 7 a 10 dias.

Contraindicações

O uso de Otosporin é contraindicado nos seguintes casos:

  • Infecção fúngicas no ouvido;
  • Infecção pelo vírus do herpes ou outros tipos de vírus na orelha;
  • Suspeita ou confirmação de perfuração do tímpano;
  • Inflamações do ouvido médio;
  • Pacientes alérgicos aos componentes da fórmula do medicamento ou aos antibióticos do grupo dos aminoglicosídeos.

Efeitos Colaterais mais Comuns

Os efeitos colaterais mais comuns de Otosporin são:

  • Dor ou ardor no ouvido até 2 minutos após a aplicação da solução;
  • Perda auditiva quando o medicamento é utilizado por muito tempo;
  • Infecções causadas por fungos ou outros micro-organismos resistentes à ação de Otosporin;
  • Reações alérgicas na pele, inchaço, tontura e dificuldade para respirar.

Gravidez e Lactação

Otosporin não deve ser utilizado durante a gestação ou no período de amamentação sem orientação médica.

Otosporin deve ser evitado nos três primeiros meses da gravidez e, no restante, da gestação, recomenda-se a aplicação do medicamento, quando necessário, em pequenas doses, por pouco tempo.

Composição

  • Cada ml da suspensão otológica de Otosporin contém: 10 mg de hidrocortisona (corticoide), 5 mg de sulfato de neomicina (antibiótico), 10.000 UI de sulfato de polimixina B (antibiótico) e excipientes – ácido sulfúrico, álcool cetoestearílico, metilparabeno, laurato de sorbitana, polissorbato 20 e água.

Cada ml de Otosporin equivale a 31 gotas da solução.

Atualizado em: 05/07/2017 na categoria: Antibióticos, Corticosteroides/Corticoides